Curiosidades Religiosas

Entenda os sacramentos da Igreja Católica

A fé em Deus e na sua salvação é algo que transcende nossa matéria e baseia-se na crença de uma força espiritual e imperceptível no plano físico. Por isso, quando Jesus reinou na Terra, Ele criou os sacramentos para que a Graça santificante pudesse ser vista, tocada, provada e sentida pelos seres humanos ainda no mundo material.

Em outras palavras, pode-se dizer que os Sacramentos são presentes dados por Deus e seu Filho para que os cristãos possam provar das bençãos divinas durante sua vida na Terra.

Para que você entenda os sacramentos da Igreja Católica, veja aqui o significado de cada um deles e descubra a melhor forma de desfrutar das inesgotáveis dádivas de Deus!

1. O Batismo

Para qualquer cristão, o Batismo é o primeiro dos 7 sacramentos que podem ser concedidos pela Igreja Católica. Ele tem o poder de perdoar o pecado original e, uma vez batizado, a pessoa será para sempre um filho de Deus e pertencerá eternamente a Cristo. Entenda mais sobre o significado do batismo aqui.

O ritual deste sacramento consiste no derramamento da água santa na cabeça do cristão ou até na sua completa imersão, enquanto é evocada a santíssima trindade. Como o batismo geralmente é feito em crianças pequenas e recém-nascidas, ele poder ser confirmado posteriormente pelo sacramento da crisma.

2. O Crisma

Trata-se da confirmação do batismo e da reafirmação da fé já na idade da razão. O crisma é celebrado durante uma cerimônia em que o cristão é ungido com óleo abençoado na quinta-feira da semana santa e recebe os sete dons do Espírito Santo.

3. Eucaristia

A Eucaristia é o sacramento da Igreja Católica que permite ao cristão receber o corpo de Cristo por meio da ingestão da hóstia (pão) consagrada. Ela faz alusão à Santa Ceia, a paixão e ressurreição, sendo que o pão representa o corpo de Jesus e o vinho representa o sangue do Senhor.

Leia Também   3 Rádios Católicas Para Acompanhar

4. Reconciliação ou Penitência

Este sacramento nada mais é do que a oportunidade do cristão de reconhecer suas falhas e, quando arrependido, receber o perdão de Deus. Para isso, é preciso que a pessoa confesse seus pecados a um sacerdote, que atribuirá sua penitência e irá conferir o perdão divino.

5. Unção dos enfermos

Ao contrário do que muitos imaginam, a unção dos enfermos pode ser dada a qualquer pessoa que esteja doente e não somente àquelas que estejam prestes a falecer. Este é o sacramento pelo qual o sacerdote reza e unge o doente para estimular a sua cura por meio da fé, além de conceder o perdão divido após a confissão dos pecados.

6. Ordem

A ordem é o sacramento específico que concede a autoridade aos homens e os torna aptos a realizar o culto de Deus, consagrar o pão e o vinho em corpo e sangue de Jesus e promover a salvação das almas por meio do perdão divino.
Este sacramento instituído por Cristo está separado em três graus: o episcopado, presbiterado e diaconato.

7. Matrimônio

Como o próprio nome sugere, este é o sacramento que santifica a união entre o homem e a mulher. Por isso, o matrimônio é o único que não é sacramentado por um sacerdote de Deus, mas pelos próprios noivos que pedem e recebem a benção para começar uma nova família.

Dessa forma, chegamos a conclusão os sacramentos, cada qual com sua particularidade e simbolismo, representam a maneira que Deus e nosso Senhor Jesus Cristo nos presentearam para podermos sentir fisicamente o poder da sua Graça divina.

E se você já está pensando em realizar o sacramento do matrimônio, temos uma matéria especial sobre o checklist do casamento religioso para te ajudar nesse momento tão importante, confira!

Ficou com alguma dúvida? Deixe seu comentário que nós do blog SJO teremos o prazer de responder às suas perguntas!

Leia Também   Como Fazer Uma Ata da Reunião de Conselho Paroquial Pastoral?

 

Você também vai gostar de ler:

Cadastre-se para receber

notícias e promoções.

Comentários

Loja SJO - Produtos em Destaque